Tag: Ego

Kenosis (κενόω)

Kenosis (κενόω)

Kenosis vem do verbo grego κενόω, que significa “vazio”, “despir-se”. Na língua francesa, o termo akène, tem a mesma raiz deste termo grego, e é muito usado na botânica, significando uma espécie de fruto que não pode se abrir sozinho. Em sentido teológico, análogo a isso, vemos que sozinho em seu próprio desejo, que quase […]

Continue Lendo

Tradicionalismo, Liberalismo e Feminismo

Tradicionalismo, Liberalismo e Feminismo

Recentemente fui convidada para palestrar sobre a Cosmovisão Judaica, matéria muito importante para o desenvolvimento tradicional de todos os indivíduos. Muitos dos meus queridos amigos, interessados em ouvir-me, pediram para que eu começasse a veicular meus aprendizados dentro do Judaísmo, Cristianismo e Tradicionalismo. Decidi então, como leitora do FiloVida, me integrar ativamente ao Portal fazendo […]

Continue Lendo

Cristianismo Ortodoxo: A morte para o Ego

Cristianismo Ortodoxo: A morte para o Ego

Recentemente perguntei no grupo Estudos sobre a Ortodoxia (Cristianismo Ortodoxo) se para os cristãos cuja doutrina prega que hoje vivemos numa realidade decaída (consequência da queda de Adão e Eva) é um erro falar coisas como “não gostaria de existir aqui, quero morrer logo para essa vida” – sendo esse não um pensamento suicida, mas antes um apelo à tudo […]

Continue Lendo

A ética entre o emotivismo e racionalismo

A ética entre o emotivismo e racionalismo

Em que medida os sentimentos podem ser critério para a avaliação da moralidade?

A concepção dos sentimentos como critério para a avaliação da moralidade das ações humanas caminha em sentido contrário, ao menos em sua completude, à ética racionalista (a exemplo do racionalismo ético encontra-se o cerne teórico da boa Vontade de Immanuel Kant. Esta seria determinada apenas por princípios a priori – ou seja, por leis racionais […]

Continue Lendo

Pular para a barra de ferramentas