RSSBotânica

A percepção darwiniana sobre o belo

A percepção darwiniana sobre o belo

Analisando as dificuldades de suas teorias (A origem das espécies, cap. VI), Charles Darwin chega a uma indagação: o quanto sua doutrina utilitarista seria verdadeira? O naturalista britânico segue com um levantamento filosófico: os detalhes da estrutura dos organismos foram produzidos para o bem de seu possuidor (evolução), para satisfazer a beleza do Criador/criatura ou pela […]

Continue Lendo

Ciência admite inteligência nos vegetais

Ciência admite inteligência nos vegetais

Já em 1880 o naturalista Charles Darwin escreveu sobre as extremidades das raízes vegetais, alegando que elas “agem como o cérebro de animais inferiores”. Desde então, cientistas descobriram que as plantas também atuam por processos inteligíveis semelhantes à linguagem, memória, visão, audição, defesas e cognição. No fim de 2013 a revista Ecology Letters mostrou como as plantas se […]

Continue Lendo

Angiospermas: A multiplicidade a partir de um único ancestral comum

Angiospermas: A multiplicidade a partir de um único ancestral comum

Demasiadamente encantador foi ter tido a fortuna de ser introduzida às plantas com frutos/flores chamadas angiospermas (filo Anthophyta). Certamente desenvolver a ciência de suas sombras intensifica ainda mais a experiência estética do contato entre homem-angiosperma: essa última, por representar a maior parte das plantas do mundo visível, pode ser contemplada nos mais diversos lugares: em […]

Continue Lendo

Pular para a barra de ferramentas