RSSPoesias

…na primavera há a noite escura

…na primavera há a noite escura

Entre as cores da mata e o preto-cinzento Pintei a história da minha Presença Esperando sempre o azul-anil Mas neste lugar eu nunca estive A esperar a primavera, Nem o laranja nem o amarelo, Pois as cores do outono me eram mais vivas Porém de súbito a certa altura, Percebi que ainda em março a […]

Continue Lendo

Sonhos

Sonhos

Às vezes eu não sei com o que sonhar; O mundo já é simbólico demais para ser verdade; E quando eu me perco em suas sombras, Elas parecem um Sonho da criação de Deus. Porém como mulher eu deveria ter meus próprios sonhos Já que nem sempre consigo pensar na Verdade E nem é sempre […]

Continue Lendo

Quando a filosofia morrer

Quando a filosofia morrer

Minha filosofia morrerá não como morrem os homens mas como morrem os bichos.

Continue Lendo

O bom filósofo

O bom filósofo

O bom filósofo passa a vida filosofando Para aprender A se desgarrar da filosofia.

Continue Lendo

Ciclo

Ciclo

Antes de estar a viver, Estou eu A gestar minha própria vida.

Continue Lendo

Autopistis

Autopistis

Estendida no fim da Travessia Está a maior cruz do agora Travestida de grande credo. É a cruz da fé, Mas da fé que se sonha, Da fé que se imagina como fábulas Dos grandes egos dos filhos de homens. Nós somos as vicissitudes destes homens! Somos nós quem roubamos as endoxas dos antigos, Somos […]

Continue Lendo

Universo:

Universo:

Palavras.

Todo; universo. Todo universo e todo isto. Isto todo o universo: universo todo e todo nisto. Nisto todo, todo o universo, todo o universo é isto. Isto; universo; palavras todo. Todo palavras o universo todo, todo o universo palavras e em todas as palavras universos. Todas palavras; todas universos; são universos palavras que no universo […]

Continue Lendo

Reflexo

Reflexo

O esboço desenhado nas entranhas; O amor, representado como as feridas impressas na alma; A perda, como o caminho; o mundo, que se torna o rastro Do amado, manifestação do próprio Deus.

Continue Lendo

Olhos fechados

Olhos fechados

Sinto os fatos em minha cabeça Correndo no papel com tinta preta Sinto a chuva que cai na noite Mas sinto medo de fechar a janela Por onde o orvalho entra Pois sinto ainda mais Que já demais fechei os olhos Para mais e mais fenômenos vividos Eu não aceitei as manhãs de chuva Não aceitei o passar das […]

Continue Lendo

Os sofistas e Sócrates

Os sofistas e Sócrates

Os sofistas enchiam a boca para falar de suas próprias ciências, Sem no entanto efetivamente acreditarem na verdade. E que fazia Sócrates? Professava a sua ignorância Porque sumamente acreditava na verdade.

Continue Lendo

Pular para a barra de ferramentas